Um cabo da Polícia Militar, identificado como Rui da Silva Nóbrega, de 37 anos, foi preso no último sábado por, supostamente, agredir uma mulher nos Bancários, bairro de João Pessoa, na sexta-feira.

Ele está detido no 1º Batalhão da PM no centro da capital e deve ser enquadrado na lei Maria da Penha por de lesão corporal e violência doméstica.
Assessor e correligionário do deputado estadual Gilberto Silva, Rui pretende concorrer à vaga de vereador nas eleições deste ano pelo Patriota.

paraiba.com.br