Famílias de baixa renda que têm direito à tarifa social de energia elétrica, um desconto de até 65% concedido pelo governo, agora estão totalmente isentas de pagar a conta de luz até 30 de junho deste ano. A medida provisória foi publicada pelo governo na semana passada e a isenção passou a valer em 1º de abril.

Nesta quarta-feira (13), vários moradores do município de Arara entraram em contato com nossa redação, tentando saber por qual motivo suas contas não foram zeradas da cobrança total. Em contato com nossa reportagem um dos trabalhadores da empresa de distribuição de energia ao fazer a leitura para impressão da fatura deu a seguinte informação.

O município de Arara teve várias pessoas que foram contempladas com a isenção, mais a contribuição de iluminação publica não foi cancelada, ou seja, mesmo em momento de grande crise financeira da população, essa taxa continua em vigor.

As reclamações surgiram de diferentes locais. Os valores nas contas variam calculados de acordo com o consumo mensal da residência. Alguns também comentam porque essa taxa também não foi cancelada por igual período em que o governo estará isentando às famílias de baixa renda do pagamento da conta de energia.


Redação/Portal Arara