O promotor de Justiça, Henrique Morais, determinou a abertura de procedimento administrativo para acompanhar a distribuição de merenda escolar em três cidades do Brejo paraibano.

De acordo com a publicação, feita edição desta sexta-feira (24), do Diário Eletrônico do Ministério Público, as cidades que serão alvos da medida, são Solânea, Casserengue e Arara.
A iniciativa tem por objetivo garantir que a merenda escolar seja efetivamente distribuída para as famílias carentes dos respectivos municípios, conforme prevê lei recentemente aprovada pelo Senado Federal por conta da pandemia.
Fonte: Alexandre Freire