O secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, anunciou para esta quinta-feira (2), o recebimento dos testes rápidos para a Covid-19. No entanto, Medeiros declarou que haverá uma avaliação visando estabelecer uma metodologia de uso dos testes.

O secretário afirmou que quase 9 mil testes compõem essa primeira remessa enviada pelo Ministério da Saúde. “Será destinado principalmente aos profissionais de saúde e às forças de segurança”, explicou o secretário. Medeiros disse ainda que o uso indiscriminado dos testes rápidos não é produtivo e traz benefício para a população. “A incidência de falso negativo chega até 70%. Porque as pessoas fazem esses testes no período inadequado”, observou o secretário. Ele acrescentou ainda que esses exames precisam ser feitos, no máximo, até o 7º dia após o início dos primeiros sintomas.

Em relação ao tempo que vem sendo levado para apresentar resultados dos exames feitos em suspeitos de terem contraído o novo coronavírus, o secretário informou que esses testes vêm sendo feitos no próprio estado. “A entrega no resultado acontece no mesmo dia, porém, quando há necessidade de envio de amostras para o Instituto Evandro Chagas, em Pelém do Pará, aí sim temos uma espera de dez dias”.

Fonte: PB Agora