O Ministério Público da Paraíba (MPPB) está investigando um “cemitério” clandestino de animais na cidade de Queimadas, no Agreste da Paraíba. De acordo com denúncias feitas por grupos de ativistas da causa animal na tarde da última quarta-feira (14), o local está sendo utilizado para o “descarte” de animais mortos. 
De acordo com a presidente da ONG Adota Campina, Bárbara Barros, que foi ao local e apresentou a denúncia ao MPPB, a ONG teve conhecimento do caso após uma denúncia anônima de que um terreno, localizado em um sítio da zona rural da cidade, estaria sendo utilizado como espaço para o descarte de cachorros mortos. Os representantes da ONG encontraram no local vários cadáveres de cachorros dentro de sacos plásticos. Um deles com as patas amarradas para fora do saco.
Fonte: 83